domingo, 21 de fevereiro de 2010

A Verdade sobre Pivite em Trinca-ferro!

Por
Dr. Felipe Victório de Castro Bath

Prezados leitores a amigos! Conforme prometido hoje o tema abordado será pivite ou pivide. A maioria dos Trincas Ferro que atendo na clínica possuem pivite o que com certeza é uma noticia trágica. Sei que magoarei a opinião de muitos colegas e profissionais do ramo com a minha revelação, mas pivite nada mais é do que um espessamento da ponta da língua do pássaro (trinca ferro, sabia, melro, etc) em decorrência de uma alimentação inapropriada por um período de tempo.

Aí vem a pergunta: então não é um verme ou deficiência de vitamina A?! Diferentemente do que vocês observam em suas pesquisas pela Internet, infelizmente essa patologia em nada tem haver com verminose. Já aprendemos aqui que singamose é a doença causada por nematóide chamado Syngamus trachea e que não parasita a língua da ave. E a deficiência de vitamina A se manifesta de outra forma criando pseudomembranas na orofaringe da ave, dentre outros sintomas como um pinga pinga de penas ou ainda um bico defeituoso. Já perceberam que curió e bicudo raramente possuem pivite?! A deficiência de vitamina A deveria ser para todos né?! E a alimentação é muito mais pobre em nutrientes. Bicudo e curió na natureza comem sementes, a conformação do bico deles foi feita para isso, diferente de Trinca Ferro ou Sabia, por exemplo.

E por que minha ave tem pivite?! Você deve rever os conceitos alimentares dela. Vocês sabem o que um Trinca Ferro come na natureza?! Ele come insetos, frutas e folhas em sua grande maioria. Aí queremos colocar uma mistura de sementes, rações industrializadas e tal e onde entra as frutas, verduras e legumes?! Também não estou dizendo que ração ou mistura de sementes é ruim apenas devemos buscar um equilíbrio sensato e buscar nos aproximarmos o mais próximo da realidade encontrada no habitat de cada espécie. Isso não é só para evitar a formação de pivite, mas o surgimento da maioria dos problemas em cativeiro como hepatopatias, calosidades.. mas isso é uma outra longa história.

E como saber se meu pássaro possui pivite?! Alguns sintomas são bem característicos. Passar a língua no bico a todo o momento, estalar o bico, bater o bico no poleiro e o principal colocar comida na água para que fique macia, principalmente ração comercial. Se sua ave faz um ou mais desses sinais provavelmente ela está com pivite. Mas não confundam pivite com sinusite e muda de bico, ok. Na sinusite a ave normalmente espirra e tem secreção nasal.

Vejo de tudo nos Fóruns de pássaros na Internet; a ultima foi o uso de nistatina (antifúngico) para acabar com a pivite. O uso de nistatina que é um antifúngico de contato, ou seja, não é absorvido pelo organismo jamais deve ser feito na água de beber e só vai deixar sua ave propensa a ter infecção bacteriana e em nada vai resolver a pivite. Essa da nistatina foi ótima mesmo.. A única opção é a remoção cirúrgica da pivite, mas também não é para arrancar a língua do animal; já vi muitos pássaros sem parte da língua e é horrível de se ver. A remoção é feita com uma pinça e tesoura; é bem simples e fácil e só exige um pouco de treinamento. Na duvida procure o seu médico veterinário especializado de confiança, ok.

E como não poderia faltar deixo uma reflexão de Sócrates: ´´ Só é útil o conhecimento que nos torna melhores´´. Um grande abraço e até a próxima!

Foto 01: Ave com pivite.

Foto 02: Ave após remoção da pivite.


Foto do antes e depois da remoção da pivite. Observe na foto 01 o espessamento na ponta da língua (neste caso mais escuro) e a foto 02 a ave já sem pivite.

Foto 03: Divulgação Trinca-ferro sendo atendido.




Dr. Felipe Victório de Castro Bath
Médico Veterinário CRMV-RJ 8772
Especialista em Biologia, Manejo e Medicina da Conservação dos Animais Selvagens SENAC/RioZOO
Mestre em Microbiologia Veterinária pela UFRRJ

Tel.: (21)81014122/ (21)78795270
ID.:10*96860 / (21)22786652
felipebath@hotmail.com / www.niaas.com.br
Rua Dona Zulmira, 11 Maracana Rio de Janeiro – RJ  CEP.: 20550-160 

5 comentários :

  1. gostei muito da sua colocação sobre pivite,meu coleiro esta com pivite,vou tentar fazer oque vc oque vc instrui,tem alguma medicaçao pós cirurgica que vc me indica,obrigado,Marcelo Melo marcelenrike@hotmail.com abraço!

    ResponderExcluir
  2. boa noite fico muito agradecido pela informaçao ,fico preocupado por tenho minhas aves e nao tenho conhecimento das doenças que ela possa ter.
    muito obrigado e fica com Deus

    ResponderExcluir
  3. nossa foi mt mais esclarecedor,oque vc disse no blog sobre pivite mais que tipo de ração devo dar para meus trincas alem de frutas ou verduras
    se puder responder ficarei grato
    e tbm quero saber quanto custa para vc retirar a pivite ok ai vai meu email:ricardo.rickk@hotmail.com
    ou se quiser e puder ligar sera ainda melhor (22)9902-1030
    fique com deus que ele abençoe vc cada vez ais...

    ResponderExcluir
  4. Tenho resolvido a pivite a muito tempo usando em parte as dicas aqui mencionada, com alimentos moles, frutas, verduras, e larvas, pq a pivite chega num momento que impede o passaro de se alimentar, mas nunca toquei e removi, quanto as causas, algo como febre não seria o causador da pivite (achando o motivo desta moletia resolve-se a pivite), ou só fornecendo alimentos sólidos, acarretando um "calo" na lingua? enfim, muito boa as dicas mas remoção não é necessário, 16 anos pegando pássaro desacreditado e curando só mundando o manejo e a alimentação... fraterno abraço e parabéns pela dedicação com os criadores... Rodrigo de Poa

    ResponderExcluir
  5. Sou medico e criador de pássaros silvestres. A ¨pivite¨ é uma das principais doenças dos pássaros, principallmente os trincas. O ¨achômetro¨ é comum entre os passsarinheiros, q com as melhores das intenções divulgam curas sem embasamento cientifico. O Senhor sabe q não é arrogancia se acreditamos apenas em tratamentos (medicina humana e veterinária) embasados em pesquisa cientifica que siga o chamado Método Cientifico...Gostaria de ler artigos deste tipo para conhecer melhor doença tão frequente, tão devastadora e tão polêmica...Attt Fabio Antonio Pereira.

    ResponderExcluir