Cisto de Penas

Por
Robson de Lima Carvalho 
Médico Veterinário


O presente artigo relata a ocorrência de "Cisto Epidermóide" ("Cisto de penas" ou "Bola"), em canários das raças "Norwich" e "Gloster", de caráter hereditário ou induzido por traumas, encontrando um fechamento do folículo e a presença de um conteúdo queratináceo. O tratamento mais eficaz é através da remoção cirúrgica, por um especialista capacitado na área (médico veterinário), para não haver a possibilidade de hemorragias em vasos sanguíneos ao redor do cisto.

Há também relatos de casos para o tratamento de cistos de penas com o uso de medicamentos na água de beber (bebedouros) e na farinha. Um fator importante é a retirada dessas aves da reprodução.

Desinfecção não é tudo, mas é fundamental

Por
Kenio de Gouvêa Cabral
Médico Veterinário

A ocorrência de aves doentes no criatório nunca é esperada. Quando vemos uma ou mais aves doentes nos perguntamos: O que acontece? Onde foi que eu errei? Sempre acreditamos que tudo foi feito para manter a saúde delas.

Como recepcionar seu novo trinca-ferro

Todos os animais quando chegam a uma nova casa precisam de cuidados especiais para adaptação da nova vida e rotina. Com os pássaros não é diferente. O trinca-ferro, por exemplo, necessita de uma recepção personalizada, principalmente se está acompanhado da fêmea.

Penas saudáveis e sua relação com a alimentação

Uma alimentação saudável para psitacídeos e passeriformes ajuda a prevenir problemas de saúde, melhora a condição das penas e prolonga a vida das aves. Por isso, a observação constante das condições das penas pode ser um indicativo importante de problemas relacionados à nutrição.