terça-feira, 25 de maio de 2010

CÂMARA DOS DEPUTADOS

DEP.NELSON MARQUEZELLI/QUARTO SECRETÁRIO 
Ata reunião dia 19/05 – IBAMA

No dia 19/05/2010, ocorreu na presidência do IBAMA a reunião com os Deputados Federais Nelson Marquezelli, Otávio Leite, Luis Carlos Heinze, Moacir Micheletto, Valdir Colatto e os criadores/passarinheiros de vários Estados do Brasil. 

O Sr. Aloísio Tostes da COBRAP, em um primeiro momento, agradeceu e manifestou sua satisfação de estar presente nesta reunião, que tem como o objetivo a organização das entidades, a legalização da categoria. Ele afirmou, também, que os passarinheiros contribuirão para os trabalhos que começarão a partir dessa reunião. 

O presidente do IBAMA Dr. Abelardo Bayma Azevedo, disse estar disponível para ajudar a categoria. Alegou, ainda, que fará reuniões com o Ministério do Meio Ambiente e com o Ministério Público de cada Estado. O Dr. Américo Tunes, diretor de biodiversidade – ponto focal do IBAMA – quer identificar cada segmento para organizar a política do IBAMA, pois ele quer que o órgão perca a imagem de perseguidor e espera que esse encontro não seja o único, que haja a construção de um plano de trabalho concreto, iniciado pelo documento que será entregue pelos criadores e será analisado pela Diretoria do IBAMA. O presidente do IBAMA alegou que a sua equipe está disposta em ajudar a classe passarinheira e que espera que o grupo também os ajudem.

Foi eleito o Sr. Aloísio Tostes, o representante da categoria e ele estará sempre em contato com o órgão nas discussões, nos trabalhos. Foi determinado que as regras serão claras para ambas as partes e que o trabalho deverá ser levado com seriedade. Haverá uma repactuação do IBAMA com os passarinheiros.

O Dr. Luciano Evaristo, Diretor de Fiscalização, acredita na postura dos passarinheiros presentes e gostaria de recolocá-los no patamar da legalidade. “Quem estiver legal será reconhecido.” Esteve presente a Sra. Analice, superintendente do IBAMA no Estado de São Paulo. Ela disse que essa reunião será um recomeço para a classe e para o órgão e acredita que com todos os trabalhos previstos grandes avanços acontecerão. 

O Deputado Federal Otávio Leite considerou a reunião de grande importância e transmitirá à todo o Estado do Rio de Janeiro para que haja um desdobramento em prol da categoria. Ele está engajado nos trabalhos. O Deputado Moacir Michelleto gostaria de rever as normatizações e corrigir os erros de ambos os lados. O Deputado Luis Carlos Heinze quer aparar as arestas, pois os criadores presentes trabalham na legalidade.

O Deputado Colatto diz que o Deputado Marquezelli coordena o grupo dos Deputados e que eles irão resolver a situação da classe, pois os criadores não podem ser vistos como bandidos. O grupo precisa ver a competência, tanto Federal, Estadual, como Municipal. A situação das anilhas precisa ser resolvida, pois, em Santa Catarina, das 76.902 anilhas, 40.000 foram pagas, mas não foram entregues, com isso, as aves acabam entrando na clandestinidade.

Por fim, ficou marcada uma reunião para às 14:30, do mesmo dia com o Dr. Américo.

Brasília, 24 de maio de 2010

--
Fonte: Assessoria do Deputado Marquezelli

Nenhum comentário :

Postar um comentário